Pular para o conteúdo

Presidente e atletas falam sobre a situação e possível retorno do São José Futsal

O elenco do São José Futsal continua em quarentena devido à pandemia. Com esse isolamento, os atletas tentam manter seu condicionamento físico de suas casas enquanto aguardam o retorno às atividades em São José dos Campos. Mesmo sem contar com a estrutura joseense, o ala Ronney continua seu trabalho na mesma intensidade apresentada no começo da temporada:

‘’Tento manter meu condicionamento em casa, como posso. Sigo a mesma linha de treinos impostos na pré temporada: com trabalhos pela manhã e à tarde. Tudo isso pensando na nossa volta para minimizar os efeitos de ficar meses em isolamento.’’

No entanto essa pausa, apesar de necessária, traz grande prejuízo para a modalidade em geral. O próprio Ronney completa:

‘’Assim como eu, vários atletas estão tentando manter seu foco nos treinos, mas, mesmo assim, o processo na volta terá que ser acelerado para atingirmos a condição ideal para o jogo. Esse isolamento é necessário, apesar de prejudicar todo o Futsal. No entanto acredito que estamos caminhando para o fim da crise e, com isso, a nossa volta.’’

O presidente Roberto Rocha Brandão, o Montanha, tem acompanhado de perto o andamento no município e afirma que a situação é controlada:

‘’Apesar do aumento de casos, está bem controlado aqui em São José. Foi elaborado um protocolo de retorno, exigido tanto pela prefeitura quanto pela Liga Nacional, para dar mais segurança a todos assim que retornarmos. Enquanto isso todos se reúnem em treinamentos online para não pararem com o trabalho feito desde o começo do ano. Estamos esperançosos com o retorno aos treinos presenciais e ansiosos para dar início às competições.’’

O fixo Romada também faz uma rotina de treinos semelhante ao de Ronney e acredita que a retomada dos treinamentos, após a paralisação, será em busca de recuperar o tempo perdido:

‘’Estou tentando manter a rotina de treinos em dois períodos em casa. Foco bastante em trabalhos de Core, força e agilidade para manter o meu condicionamento ideal do jeito que posso. Infelizmente não só nós, mas como todos times da Liga estão se prejudicando com essa paralisação necessária. Estávamos fazendo uma ótima pré temporada e em fase final de trabalho. Acredito que, ao voltarmos, teremos que treinar e focar muito para atingir esse nível de preparo que havia antes da paralisação.’’

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *